2010 – Ano Apostólico das Primícias

palavra_apostolo Você pode estar perguntando por que Ano Apostólico das Primícias, certo?

“Conheço as suas obras, o seu trabalho árduo e a sua perseverança. Sei que você não pode tolerar homens maus, que pôs à prova os que dizem ser apóstolos mas não são; e descobriu que eles eram impostores. Você tem perseverado e suportado sofrimentos por causa do meu nome, e não tem desfalecido. Contra você, porém, tenho isto: você abandonou o seu primeiro amor

. Lembre-se de onde caiu! Arrependa-se e pratique as obras que praticava no princípio… “   Apocalipse 2.2-5 (NVI)

Deus nos deu esta palavra profética para este ano, e o que me levou a declarar PRIMÍCIAS para 2010 foi segundo a palavra que está escrito no texto acima, e o próprio Jesus Cristo diz para a Igreja, e esta palavra é para todos nós pois quando abandonamos o primeiro amor, estamos ligando nossa vida, nosso chamado no piloto automático, em tudo que fazemos, não existe mais prazer, nem paixão, nem fogo. Ano das Primícias , fiquei empolgado, não pela etimologia da palavra, pois ao estudar melhor sobre a palavra PRIMÍCIA aprendi que é o mesmo que FESTA DA COLHEITA e FESTA DE PENTECOSTES e todos tem o mesmo significado bíblico, JESUS é a PRIMÍCIA, quando o aceitamos como nosso Senhor e Salvador ele passa a se tornar nosso primeiro amor, e esse amor cria em nós um desejo insaciável de conhecer cada vez mais a ele, não foi assim quando você conheceu seu amado? sua amada?

Quando no início você experimenta seu relacionamento de amor com Deus, ele deseja que faça um compromisso com ele. Você o faz confessando sua fé nele, se torna membro de sua família, a igreja, demonstrando isso publicamente através do batismo. O amor lhe motiva a investir pesado no relacionamento, mas…. Apocalipse 2.4 Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor.
Jesus tinha uma reclamação contra a igreja de Éfeso, e nesta passagem a algo revelador sobre o amor. Não está escrito que “vocês perderam o seu primeiro amor”. Diz: “vocês abandonaram o seu primeiro amor”. É uma escolha. Na realidade, foi uma série de pequenas escolhas.

Eles cresceram em sua fé, é óbvio que tinham um claro senso de seu propósito de vida. Serviram ao Senhor com gratidão, emoção, alegria e diligência, mas algo aconteceu, em algum ponto do caminho, em sua jornada com Jesus, algo mudou, e não era um problema de trabalho pois estavam realizando seu trabalho muito bem. Por sinal, A Bíblia diz: “vocês fazem um bom trabalho, tem muita perseverança, grande tolerância no sofrimento”, estavam agindo corretamente, então, o trabalho não era o problema, e não creio que era um problema de falta de informações, não creio que estavam pensando em coisas erradas, tinham toda a informação correta. Seu problema era de amor. Estavam sofrendo do que posso descrever como uma instabilidade de sentimentos.
Todos precisam entender que se cairam e se afastaram de Deus, há alguns passos que você pode dar para se arrepender e voltar ao caminho de sua jornada cristã

Apocalipse 2.5. Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras; e, se não, venho a ti e moverei do seu lugar o teu candeeiro, caso não te arrependas.
Agora, olhe para o versículo 5 outra vez. Note qual é o próximo passo a ser dado . Quando você deixou o amor escapar, o versículo 5 diz: “arrependa-se”. Agora, essa é uma palavra pesada, muito pesada.

O que significa arrependimento? Será que você pensa em pregadores gritando essa palavra com a voz pegando fogo? A verdadeira definição de arrependimento é – eu reconheço que não devia estar onde estou. Por isso, vou dar meia volta e ir para onde eu deveria estar. Isso é arrependimento. A mesma verdade é encontrada em Lamentações Lamentações 3.40 Esquadrinhemos os nossos caminhos, provemo-los e voltemos para o SENHOR. A Bïblia diz: “Vamos dar uma boa olhada em nosso modo de viver e reordenar nossas vidas diante de Deus”.  Como sair de um lugar e ir para onde se quer ficar, ao lado de Deus? Primeiro, você se lembra. Segundo, se arrepende. E, terceiro , e ainda está no versículo 5 – você faz as coisas que costumava fazer no princípio.

O que você deve fazer? Dar um passo de cada vez. Procure fazer o que é certo da próxima vez. Sabe como? Você não chega à uma montanha espiritual com um passo apenas. Não vai conseguir sair de um grande vale com um passo apenas. Então o que fazer? Você vai colocar um pé na frente do outro. Dá um passo correto de cada vez e o bem estar de agir corretamente vai fazê-lo sair do vale. Filipenses 3.16  – Todavia, andemos de acordo com o que já alcançamos.
Gálatas 5.16.Digo, porém: andai no Espírito e jamais satisfareis à concupiscência da carne.

2 Coríntios 8.11 11  Completai, agora, a obra começada, para que, assim como revelastes prontidão no querer, assim a leveis a termo, segundo as vossas posses.

Estes são as ações específicas que estes versículos lhe incentivam a fazer, e haverá  resultados se fielmente agir assim mantendo seu compromissos com o Senhor. Enquanto você luta para se tornar semelhante a Jesus, qual deve ser sua atitude?

Você deve se desafiar a reconhecer onde estás em sua vida cristã e perceber quando não estás onde deveria estar. Seguir em direção à maturidade espiritual significa agir de maneira apropriada em direção ao alvo de se tornar semelhante a Cristo. No entanto, precisa fazer alguma coisa! Que passos você vai tomar esta semana em direção a esse alvo? O compromisso de freqüentar regularmente a igreja, ou de ler a Bíblia?  Comprometa-se a dar este passo nesta semana.

Existe um ponto espiritual nessa história. As pessoas  querem ficar no pico alto espiritualmente falando, a qualquer custo. Querem ficar espiritualmente elevados, mas quero perguntar: “é possível ficar sempre no alto?” Não, não é. Se você olha para a Bíblia,  o que encontra é que a Bíblia é um desfile de altos e baixos, um depois do outro.

VEJA ALGUNS EXEMPLOS  
Talvez vocês conheçam a história de Daniel na Bíblia, não? Alguns, não.

Daniel era muito, muito fiel a Deus – isso é um ponto alto. Mas por causa de sua fidelidade a Deus, foi jogado numa cova com leões famintos – isso é um ponto baixo. Mas os leões não o comeram – isso é um ponto alto. Vê o padrão?

Temos a história de Jonas. Ele fugiu de Deus – isso é uma queda. Foi engolido por um grande peixe – isso é uma queda. Mas o peixe o vomitou na terra seca – isso é alto ou baixo? É um alto
SÓ TEM DOIS JEITOS DE SAIR DE DENTRO DE UM PEIXE!

Vamos para o Novo Testamento – você encontra Jesus e em seu batismo, ouve-se a voz do Pai – “este é meu Filho amado em quem tenho prazer”. Isso é uma subida.

O que acontece imediatamente após? Ele vai para o deserto onde passa 40 dias sendo tentado pelo próprio diabo – isso é uma queda.
Mas o que acontece depois? Ele começa seu  ministério de ensino sobre o reino de Deus, a transformar vidas e a realizar milagres.  Isso é uma subida.
Mas e aí, o que acontece? Ele é crucificado. Isso é uma descida.
Mas daí, o que acontece? Ele ressuscita. E isso é uma subida.
Então o que se aprende é que pelo fato de Jesus ter permanecido fiel a Deus tanto no alto como em baixo, é nessas subidas e descidas que você aprende a ser semelhantes a Jesus.

Você precisa entender que Deus está sempre ao seu lado não interessa onde esteja, se em baixo, ou em cima.
1 Pedro 5.7 7  lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.
Isto é o que Deus quer que os que crêem façam.
De acordo com o Salmo 108.4, 4  Porque acima dos céus se eleva a tua misericórdia, e a tua fidelidade, para além das nuvens. Isto mostra quando Deus lhe  ama e o quanto ele é fiel?

Quando você escolhe estar perto de Deus a despeito das circunstâncias, pode ver o quanto ele cuida da sua vida. Se você fosse compartilhar sobre uma época em que você se sentiu em “baixa espiritual”, e quando voltou-se para Deus e experimentou seu cuidado por você o que aconteceu?
Deus lhe quer em seus braços, que é o seu lugar, não importa a situação. Por que? Porque seu amor não falha nunca!
Dê exemplos de como o amor de Deus facilmente se evidencia em sua vida quando as coisas ficam difíceis.
Quando Deus diz: “lance sobre ele todas as suas ansiedades”, ele quer dizer todas mesmo, o tempo todo. Por que algumas pessoas teimam em relutar e não entregam seus problemas a Deus?

Por causa do cuidado que Deus dispensa aos seus filhos e de seu amor por você que nunca muda, ele está sempre pronto a lhe consolar quando você se desvia e a lhe perdoar quando o ofende. Sua resposta à esse amor perfeito, deve ser um coração de adorador, louvar e agradecer por Deus ser quem é.

Os pontos altos são bons e os baixos são sofridos e há algo dentro de cada um que deseja somente estar nos pontos altos. Todos querem segurar o máximo possível do céu na terra.

Há na Bíblia um relato de quando Jesus esteve com seus discípulos em uma montanha e lá eles tiveram uma experiência única, espiritual, e eu acredito, emocional também. Quando Jesus estava pronto para descer, seus discípulo imploraram “será que não podemos ficar aqui um pouco mais?”

Você não consegue passar tempo demais, não consegue preencher demais suas reservas, não consegue oferecer sua vida o suficiente para Deus. O amor o conquista e você quer ser conquistado, isso é um ponto alto espiritualmente falando. O culto está acontecendo, você está lá, a adoração no culto está acontecendo, você está lá, tem versículo para decorar, você está decorando. Não há outro lugar em que você queira estar, nada mais para o que queira se dedicar. Jesus Cristo é o foco total de seu coração e devoção. Esse é um sistema de pressão alta. Proporciona um dia de sol e estabilidade em sua vida. Se você já o viveu e prestou atenção, vem uma corrente de ar e de repente, um sistema de baixa pressão se forma. Nuvens e tempestades cobrem  o mapa do tempo de sua alma. A chuva e os ventos frios passam por seu coração e por sobre uma série de escolhas , e você abandona seu primeiro amor. O que você vai fazer quando isso acontecer? O que você vai fazer se já tiver acontecido? Como você recomeça a caminhada para um lugar novo na jornada espiritual que estava fazendo? Que passos você toma na queda espiritual? Bem Apocalipse 2, também nos dá as respostas: Passo 1 – o primeiro passo nessa jornada – v. 5, Jesus diz: “lembre-se”

Alguém aqui consegue lembrar de quando estava tão faminto espiritualmente que não conseguia ir embora daqui?
Você não se importava se o culto fosse muito comprido, ou se fosse de uma hora e meia, ou de duas horas. Não importava.

Faça esta oração.

Pai celestial, eu que ser honesto, tenho que admitir que tens me perseguido com seu amor por um longo tempo, e o Senhor provou que me ama deixando seu Filho Jesus morrer em meu lugar por causa dos meus pecados e entendo que ele pagou o preço. E Deus, o Senhor o ressuscitou – por que? Tudo porque me amas. Pai, eu quero começar um relacionamento de amor com o Senhor, Pai eu quero permanecer num relacionamento de amor contigo. Apesar dos sentimentos que vão e vem, dos altos e baixos, eu me comprometo hoje, pela fé, a confiar simplesmente que vou fazer minha jornada de volta para casa, para ti. E obrigado, Pai, por me deixar saber que quando eu chegar, o Senhor estará lá para me abraçar  e me dar as boas vindas, em tua presença para sempre. Amem.